terça-feira, 29 de junho de 2010

Pois é

Ando abandonando um pouco o blog no lado literário. Mas por um bom motivo. Estou escrevendo uma peça, está ficando bem legal. Mas escrever uma peça é mais dificil do que eu imaginava. Ligar a história, cenas, ter nexo entre mudança de cenário e situações.

Mas parece um filho, como muitos dizem. Você cria, da personalidade ao personagem, desenvolve situações cômicas, ou dramaticas. Muito bom.

Mas queria falar de outra coisa

Copa do mundo em Marília

Aqui todos os jogos parecem festa. Quando o Brasil ganha, todos vão para as ruas festejar.
Sabe, cidade pequena, em dia de jogo praticamente tudo fecha, e quando o Brasil ganha, parece final de copa. Todos nas ruas buzinando, fazendo o maior aue pelo jogo...e é isso que eu gosto. Pra mim, Copa do Mundo é isso ai, festa, bagunça, barulho. Igual meu sobrinho no sul.

Sim, um monte de gente fala "Mas em época de copa todo mundo esquece os políticos, as eleições, os problemas".
Acredito que não. A Copa serve para torcer e, principalmente, distrair, pois é apenas um campeonato de futebol, que não interfvere na vida de ninguém.

Póximo jogo, às 11h , vi dar Brasil contra a Holanda e, certmente, Kanashiro estará lotado pra ver.hehehe

domingo, 27 de junho de 2010


Não é preciso ter um Q.I. acima de uma ameba para ver a realidade que essa merda de partido faz no estado de SP.
Isso sem mostrar a educação, o transporte, a saúde, o sistema carcerário, saneamento básico da população mais carente, as obras superfaturadas, a saída de cargos para poder disputar outras eleições...poderia ficar dias aqui escrevendo a mediocricidade dessa merda de PSDB, mas deixarei que os idiotas apertem 45 em Outubro

sábado, 26 de junho de 2010

Pois é

E o Maníaco da Móoca conseguiu um vice pior que ele. Parabéns, agora é questão de tempo para afundar essa coisa de PSDB!

Um Brinde...

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Old memories

O ano era 1992. Ou 1993, não me lembro direito.
Meu pai comprou um aparelho de som bem moderno,apesar de ser um CCE. Eu e minha irmã ficamos maravilhos com o"disco espelho", como chamavámos o cd.

Meu pai me chamou na sala. "Pedro,vem aqui, vou te mostrar uma coisa".
Ele colocara um cd que hvia comprado para me mostrar um grupo. No ínicio, um samba gostoso de escutar, com melodias simples e choradas. O começo na música era engraçado. Tanto é que minha irmã ficou fazendo piadinhas com a letra. "pãe,pão, cinco pães, cinco pães". Lembro direitinho dessa cena.

A música era Samba do Arnesto, do grupo Demônios da Garoa. Achei bem legal, e depois ouvi orestante das músicas. Demais... As Mariposa, Três das Onze, Ói nóis aqui outra vez entre outras.

Um meses depois, meu pai me levou a um show do Demônios da Garoa, no Centro Cultural São Paulo. Como grupo convidado, Toca da Raposa. Se não se recorda, aqui vai uma palhinha. "Assim não dá,assim não dá, assim não dá. Eu ainda sou criança e não posso namorar'. Eram umas 7 crianças fazendo um sambinha ... sei lá eu.

O show que vi era em comemoração de 50 anos do grupo... 50 anos, é coisa de Rei apenas(!!!).

A segunda

Pensei que eu e minha irmã eramos idiotas assim, mas hoje me deu uma lembraça absurda.
Vi duas crianças combinando que, amanhã,uma seria a escrava da outra, e no outro dia era a vez da segunda criança.

Eu e minha irmã Suellen, ficavamos um bom tempo sozinhos em casa, em dias de chuva, ou em época de férias. Meus pais saiam para trabalhar e, com certo tempo, não era mais necessário chamar alguém para cuidar da gente. A gente combinava que, no dia "X", eu seria o mordomo dela e ela seria minha empregada dia seguinte.

Era bem engraçado. Os serviços eram buscar água, fazer suco, lavar a louça, trocar de canal (escondiamos o controle remoto da TV) atender o telefone... Enfim,brincadeiras para poder passar a long tarde....

Bons tempo que não voltam...e por falar nisso, além da Lely, ganha um doce se me responderem me dizer o que é uma peça "tamanho família"...

domingo, 20 de junho de 2010

O jornalismo e os comentários

Vejo muita porcaria escrita por jornalistas. Não que eu seja o dono do melhor texto do mundo, mas tem muita coisa que poderia ser reescrita ou, no mínimo, revisada.

Mas a arte de ser jornalista não é apenas escrever, é escrever em volta de anúncios, porque o jornalismo de verdade, aquele que serve para servir, não existe mais. Foi essa conversa que tive com os pais de uma grande amiga de Padre Nóbrega.

Os anúncios em um jornal valem muito mais do que os fatos, em si. Afinal, hoje jornal serve apenas para encher de anúncio, manipular informações e escrever apenas para o interesse de uma empresa. Sim, o jornalismo real morre a cada dia. Salve o twitter e os blogs que, de certa forma, dá para ter uma informação independente.

Hoje, no Fantástico, um repórter estava no mausoléu de Michael Jackson. E ainda falou: "Se o rei do pop estivesse vivo hoje, ele estaria se apresentando em Londres em sua mega turnê de volta".
Negativo amigo, se ele estivesse vivo hoje, ele estaria desesperado tentando sair do caixão!

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Eleições 2010

Uma das decisões mais idiotas que o TSE conseguiu tomar está sendo testada.
Detentos de todo o Brasil poderão votar nessas eleições, seja de presídio ou Fundação Casa(Antiga Febem).
Pessoas que vivem no exterior tamb´m votarõ, é só ir até a embixada brasileira com o título ou o RG que conseguirá fazer seu papel de cidadão.

Desculpe-me, mas isso é totalmente errado. Quem está preso ainda participa, de uma certa forma, da sociedade brasileira. São pessoas que estão pagando por algum erro que cometeram.

Mas ninguém se perguntou o que acontecerá se algum deputado estiver ligado com o crime(não o de sempre,o que deixa a pessoa detida). Se esse deputado, ligado ao crime, conseguir votos para dar regalias para a popualção carcerária, ou ainda mais, deixar passar muitos desses crimes, a atrocidade e baixaria(vide PSDB) voltará a tona.

Já quem mora fora...por favor. São pessoas que estão cagndo e andando para o Brasil. Porque os votos dessaspessoas devem ser contados eu não sei, mas sei que são pessoas que não vivem a nossa realidade, e mesmo assim vão as urnas para escolher o presidente.

Em outubro, o caos no Brasil voltará a ser instalado...e que o vampiro não ganhe.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Educação no Brasil. Tem jeito?

"Quanto custa estudar no Brasil? Depende. Se você estiver entre a população mais rica, aproximadamente 20%, vai chegar até o fim de 20 anos de colégio e com uma formação universitária de mais ou menos R$250 mil. Isso falando apenas nas mensalidades, sem contar livros, trabalhos e obrigações. O valor gira em torno de R$1 mil por mês.

Agora, se o seu caso for o da maioria da população brasileira, ai o negócio é diferente. O governo gasta, em média, R$116 por mês para mantar um aluno dentro de uma escola pública. Além disso, o aluno fica bem menor tempo estudando. Ou seja, enquanto os ricos estudam em escolas de qualidade por um longo tempo, o resto estuda por pouco tempo em escolas ruins. "

Um projeto de lei, criado pelo senador Cristovam Buarque, do PDT, obrigaria filhos de políticos(deputados, senadores, prefeitos, governadores e presidente) a estudarem em escolas públicas. Caso contrário , perderão seu mandato.

Isso não parece um absurdo para ninguém. Afinal, em paises como Cingapura e no Reino Unido, políticos nem pensam em colocar seus filhos em escolas particulares. Os eleitores não aceitariam essa escolha, pois assim os eleitos estariam ignorando a (boa ou má) qualidade do ensino público.

Caso esse projeto seja favorecido na câmara, o que eu duvido muito, a educação no Brasil terá mais atenção dos governantes. O resultado: Um ensino de qualidade para todos. E isso é apenas um começo. A sociedade ficaria unida entre plebe e burguesia. Não teria desilgualdade de oportunidades no nosso país. Afinal, a constituição diz que todos têm direito a educação correto? Mas infelizmente ela não fala da qualidade da mesma.

Não quero defender o senador, muito menos o partido que ele faz parte, porém, em outubro, vamos lembrar o que já fizeram pela educação.

Em 16 anos de governo tucano, a educação no estado de SP foi ignorada. Diminuiram o número de horas/ aula, criaram a aprovação automática, onde o aluno não precisa saber a matéria, apenas ter frequencia para passar de ano.

E quem me conhece sabe, não gosto do PT, mas foi um partido em que o governo investiu na educação. Pró-Uni, se não fosse esse programa, muita gente, isso inclui-se eu, não teriam uma formação superior, pois ficar pagando R$700 por mês em uma faculdade, vindo de colégio público...

sábado, 12 de junho de 2010

Serra mal anuncia candidatura e já cria emprego


Padre Nóbrega

Fui conhecer o município de Padre Nóbrega, cerca de 20 quilômetros de Marília.
Tava um frio do pirú, e andar de moto no frio é um crime. Sério amigos, quando for andar de moto, agasalhem-se.
A cidade é bem pequena, mas muito rica. Muita gente mora em sítio na cidade. Dificil ver algum carro rodando pela cidade que custe menos de R$50 mil. Vimos uma Ferrari vermelhinha e o novo Uno, que não saiu ainda no Brasil. Mas em Padre Nóbrega tem.
A cidade não é nada demais. Vamos rodar agora por outras cidades, como Oriente, Rosália...

Copa do Mundo

Porra, não poderia deixar de comentar o início da Copa do Mundo. Como eu gosto de Copa.
Ontem vi os dois jogos e, hoje, acordei às 8h para ver Grécia e Coréia do Sul. E aqui vai um comentário clássico das Organizações Serra, também conhecida como Rede Globo. "Olha lá o goleiro da Grécia. E ele está falando grego, em".
Merece ou não um tiro no dedinho do pé ese ser?

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Tudo na mesma

The same news...hehehe

Sempre assim, da uma guinada e depois a vida fica monótona. Preciso de emoções mais fortes. Sabe, estou precisando de algo mais radical. heheh

Eu e o Marcelo, que mora na mesma casa que eu aqui na Unesp, estamos conhecendo todos os distritos de Marília. Como ele tem moto e faz 18km por litro, a gente coloca R$5,00 e vai dar um role bacana.

Na terça-feira fomos até Avencas. Cidade bacana, distrito de pouco mais de 2 mil habitantes. Interessante conhecer essas cidades bem pequenas, ver o quanto a vida pode ser simples. Quem sabe eu não consiga morar em uma cidade como essa em breve.

Hoje iremos até Padre Nóbrega e, se o tempo ajudar(parece que vai chover) iremos até Rosália. Ai em Padre Nóbrega tomo um café com a Renata e em Rosália com a Daisy...

Até mais ver!

terça-feira, 8 de junho de 2010

Originais do Samba

Nesse sábado fui a uma festa bem bacana. Arraial dos Pardais.
Até ai tudo bem,a festa foi legal, pessoas ótimas, mas não vou citar a festa em nada aqui.
Passei um bom tempo na festa ouvindo originais do samba. E lembrei muito de Marília(a festa era em Padre Nóbrega,municipio ao lado).

A cidade passa cada vez mais por turbulências políticas. Temos o maior ficha suja do Brasil, Abelardo Camarinha. Ele e sua família comandam a cidade. Ele foi prefeito na decada de 80 e na de 90.

Ai, temos uma oposição tucana. Claro, que quando se tem o PSDB na reta, só pode dar merda mesmo. Ou seja, uma briga entre o PDT e o PSDB. Pra piorar só faltava o Sérgio Mallandro ter sido deputado pela cidade.

Mas o que mais me fez lembrar da cidade foi uma música do Originais, calha direitinho no enredo politico local.

"Se gritar pega ladrão, não fica um, meu irmão..."

domingo, 6 de junho de 2010


sexta-feira, 4 de junho de 2010

G1 contrata jornalistas semi-alfabetizados


Us ator e as atoras ganha indenizassãos!

O G1 não sabe fazer lide


Pois é, um site de uma empresa tão grande, onde tem que fazer uma penca de prova filha da puta pra entrar, nem um lide tem competência para fazer. As Associações Serra agradecem os jornalistas burros, que certamente irão apertar 45 na urna.

Link da matéria

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Ponto de vista de Israel


Dia da Imprensa

Parabéns para todos que trabalham na imprensa. Foi comemorado ontem, 1/6 o Dia da Imprensa. Mas não temos nada para comemorar.
Não temos mais diploma, ficamos sem lei e a censura voltou a atacar(Estado de SP).
Para o querido presidente da Associação Brasileira de Imprensa, Maurício Azêdo(jus ao nome) devemos comemorar sim, pois tudo isso são "tropeços passageiros".

Desculpe-me, mas para quem ganha R$15 mil com a bunda na cadeira é fácil falar que é uma turbulência passsageira. Queria ver esse senhor recém formado, com um diploma inutil debaixo do braço levando não a cada jornal que bate na porta.

Contador Grátis