terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Belo Horizonte : A partir do dia 28, sacolas plásticas estão proibidas

Pois é,parece estranho isso, mas não é. Uma lei criada em 2008, que entra em vigor no próximo dia 28, proíbe os estabelecimentos comerciais de fornecerem sacolas plásticas aos seus clientes.

Para a Câmara Municipal, essa iniciativa é para reduzir os danos ao meio ambiente. “Um saco de papel demora aproximadamente 18 meses para se decompor. Uma sacola plástica é por volta de 300 anos, portanto a lei é mais ambiental do que outra história”, afirma a nota oficial da ALBH.

Para os consumidores, a ideia é boa, mesmo a maioria não sabendo da nova lei. “Eu to sabendo agora que vi um aviso aqui no mercado”, conta Sueli Mendes, do bairro Ipiranga.

Agora, a feira de artesanato na avenida Afonso Pena terá um atrativo a mais. AS sacolas ecológicas, geralmente de pano, serão customizadas na hora. É vantagem para quem compra, pois terá uma sacola única para fazer suas compras.

As sacolas plásticas não terão total restrição na cidade. Limpadores de rua poderão utilizar para limpar as ruas e as sacolas acima de 50 litros ainda serão comercializadas.

A multa para os estabelecimentos que ainda fornecerem as sacolas plásticas irá varias de acordo dom o tamanho. Em caso de super e hiper mercados, a multa vai de 100 salários mínimos por dia. Os menores variam conforme a localização e o tempo do comércio.

Pedro Ferraz,agência Idea Fixa

Um comentário:

Marisa disse...

Oi pedro gostei da reportagem e acabei copiando e passei para meu blog...


Contador Grátis