quarta-feira, 6 de junho de 2012

Aécio Neves cai na própria armadilha


O presidenciável Aécio Neves, Senador eleito por Minas Gerais que trabalha pelo Rio de Janeiro, é o principal garoto propaganda dos tucanos. Em nova propaganda partidária – que a Globo fez questão de passar em horário nobre e negando a veiculação da propaganda do PT – o Senador fala em ética e sonho. Mas esquece de olhar para o próprio partido.

Não precisamos ir muito longe. Aécio Neves foi o principal defensor de Demóstenes Torres, envolvido até o talo com o caso de Carlinhos Cachoeira, que vendia licitações, pautava a Veja ,dentre outros crimes.

Mais exemplo?

Aécio Neves esqueceu de olhar para dentro do próprio partido,antes de falar em ética. Esqueceu que Marconi Perrillo, governador de Goiás pelo PSDB, é o principal envolvido do partido com o mesmo caso de Carlinhos Cachoeira.

A falta de linearidade no discurso vazio do Senador leva um racha dentro do partido. Ele já se coloca com o principal candidato, mas todos sabem que José Serra vai entrar pesado na disputa, mesmo sendo eleito prefeito de São Paulo.

Mas voltemos ao discurso sem conteúdo de Aécio...

Ele fala em ética, que o governo possa valorizar cada centavo do dinheiro público, mas esquece que seu trabalho como governador de Minas Gerais foi um fiasco sem tamanho(já relatado NESTE TEXTO).
               
Aécio diz que precisa ter coragem para enfrentar os problemas, e que o PSDB acredita muito nisso. Diga-me, então por que na época de Fernando Henrique Cardoso, uma crise no México tirava US$20 bilhões e o Brasil era dependente do FMI?  Quando veio uma crise mundial, onde 98% dos países capitalistas sofreram, o Brasil apenas cresceu, e não podem falar que isso foi continuidade do governo FHC.

 Senador, melhor para com a bebedeira, ou com o pirlimpimpim. 

Ele esquece que, quando governador, conseguiu a proeza de aumentar para 11% o número de escolas estaduais sem biblioteca.  Lembrando que apenas 35% das crianças mineiras com idade até 6 anos frequentam alguma instituição de ensino.
               
 Mais um pouco,Senador?

O Estado de Minas Gerais, quando comparado à média nacional, tem a pior colocação em qualidade da escola de Ensino Médio: 96% das escolas não têm sala de leitura, 49% não têm quadra de esportes e 64% não têm laboratório de ciências.

O governo de Minas Gerais, em sua gestão e seu sucessor, congelou as carreiras dos profissionais de educação até 2015. Que belo exemplo para quem quer ser presidente...

Aécio Neves deveria ficar mais tempo sóbrio, pois assim sendo o PSDB vai continuar perdido na oposição.

Nenhum comentário:


Contador Grátis